A Luta

Simers verifica adolescentes dormindo no chão em consultórios da ala psiquiátrica do PACS

22/02/2019

Em vistoria realizada nesta quinta-feira (21), o Simers – Sindicato Médico do Rio Grande do Sul comprovou que adolescentes internados na ala psiquiátrica do Posto de Atendimento Cruzeiro do Sul (PACS), em Porto Alegre, estão dormindo em colchonetes do chão, dentro dos consultórios. Uma reforma está sendo feita no setor irá criar uma ala específica para adolescentes psiquiátricos.

Adolescente dorme no chão dentro de um consultório da ala psiquiátrica
Adolescente dorme no chão dentro de um consultório da ala psiquiátrica

No entanto, segundo os médicos que atuam no setor, não foi especificado como funcionará o novo espaço e as obras estão provocando transtornos no atendimento. Por causa disso, o Simers irá pedir formalmente explicações sobre a reforma e qual sua finalidade.

Espaço no PACS está sendo reformado, mas médicos não foram ouvidos
Espaço no PACS está sendo reformado, mas médicos não foram ouvidos

Os profissionais alegam que não foram ouvidos pela direção do posto e informam que problemas no atendimento já estão ocorrendo. Conforme os relatos, na manhã desta quinta-feira quatro pacientes estavam ocupando consultórios. Se mais um paciente necessitasse de alojamento, não haveria espaço para as consultas. À tarde, pelo menos dois pacientes estavam em colchonetes colocados no chão, dentro dos consultórios.

A diretora do Simers, Alessandra Felicetti, afirmou que a vistoria ocorreu devido a uma denúncia e que os médicos estão preocupados com a situação de insegurança, tendo em vista que alguns pacientes podem ter a intenção de cometer suicídio. “Constatamos pacientes em condição desumana, dormindo em colchonetes no chão dos consultórios. Vamos pedir explicações sobre o planejamento dessa reforma, qual a previsão de conclusão e suas consequências, bem como alternativas para a assistência enquanto ela acontece”, enfatizou. 

Diretora Alessandra Felicetti disse que Simers vai pedir explicações sobre a reforma
Diretora Alessandra Felicetti disse que Simers vai pedir explicações sobre a reforma

SEGUROS