Vida

Dia Mundial de Combate ao Suicídio: Simers destaca a importância de cuidar de quem cuida

10/09/2021 12:13

Neste 10 de setembro - Dia Mundial de Combate ao Suicídio -, o Sindicato Médico do Rio Grande do Sul (Simers) destaca a importância da atenção à saúde mental. Por meio do Núcleo de Psiquiatria, o Simers desenvolve um trabalho permanente e ativo em defesa da atenção psiquiátrica no Estado. O bem-estar físico e mental dos médicos também é um tema bastante caro ao sindicato. 

A data foi instituída em 2003, pela Associação Internacional para Prevenção do Suicídio em parceria com a Organização Mundial da Saúde com o objetivo de promover a reflexão e estimular a criação de políticas públicas efetivas. De acordo com dados da OMS, a cada 40 segundos, uma pessoa ao redor do mundo tira a própria vida. Além disso, se estima que, para cada suicídio, houve 20 tentativas anteriores, o que demonstra que as ações de prevenção podem ser determinantes. 

Diante da pandemia do coronavírus e do aumento da carga horária e da tensão a que os profissionais são expostos, o Núcleo de Psiquiatria e o Núcleo de Pesquisa realizaram uma pesquisa para avaliar a saúde mental e o impacto psiquiátrico da pandemia entre médicos e estudantes de Medicina no Rio Grande do Sul. A partir dos resultados obtidos, a entidade intensificou as ações em prol da saúde mental dos profissionais. 

Um dos exemplos é o SIM Mental, programa que oferece assistência com psiquiatras e psicólogos conveniados à plataforma. O Simers também realiza visitas periódicas às unidades de saúde e hospitalares a fim de garantir condições de trabalho dignas e a valorização dos profissionais, além de propor ações concretas e participar de debates e negociações para o fortalecimento da rede de assistência psiquiátrica em nosso estado. 

Neste Setembro Amarelo, mês de prevenção ao suicídio, o Simers reforça o compromisso de seguir atuando por melhorias para o setor e faz um apelo para que a sociedade busque atenção especializada sempre que necessário.

Além disso, a entidade se mantém firme ao lado dos médicos que tanto contribuem para o bem-estar da população, mas destaca a necessidade de também cuidarmos de quem cuida. Afinal, para o Simers, defender os médicos é defender a saúde!

 

SEGUROS