Defesa

Simers cobra necessidade de solução concreta para médicos da Santa Casa de Livramento

19/02/2021 00:00



O diretor-adjunto do Núcleo de Interior do Simers, Willian Adami, reforçou a necessidade de uma solução mais concreta para os problemas envolvendo os médicos na Santa Casa de Santana do Livramento. Em reunião nesta quinta-feira (18/2) com a assessora jurídica da Santa Casa, Daniela de Oliveira Brasil de Almeida, foi abordada a reestruturação e reorganização do hospital. Adami ainda destacou a importância da regularização dos contratos de trabalho e a contrapartida do hospital diante da atuação dos médicos, que continuam trabalhando, mesmo sem receberem seus honorários, para garantir o bem maior que é a saúde à população. Também participaram da reunião os assessores jurídico e político da entidade médica.

No encontro híbrido, Daniela apontou as medidas que estão sendo adotadas na instituição para manter a Santa Casa em funcionamento. Ela salientou que um plano de ação está sendo estruturado e uma prévia desse material será encaminhada para o Simers, Ministério Público e Ministério Público do Trabalho. Os dados completos deverão ser repassados em até 45 dias. 

A assessora jurídica afirmou que a instituição está buscando recursos para realizar o pagamento dos honorários médicos que estão atrasados desde novembro. Há intenção de formalizar os contratos com os médicos e alinhar pagamento do passivo. Porém, ela não estipulou datas e recursos.

SEGUROS