A Luta

SIMERS integra primeira ação da Frente Parlamentar da Segurança Pública Municipal

09/06/2017 16:00

O Sindicato Médico do Rio Grande do Sul (SIMERS) fará parte da primeira ação da Frente Parlamentar da Segurança Pública Municipal (Freseg), instituída na manhã desta sexta-feira (09), na Câmara de Vereadores de Porto Alegre. O combate à violência nas unidades de saúde será pauta da primeira reunião da Freseg, no dia 28/6. _CPB3630 - Candace Bauer_CMPAO presidente do SIMERS, Paulo de Argollo Mendes, em seu pronunciamento, destacou que se os Médicos Sem Fronteiras trabalhassem no Postão da Cruzeiro ou na Bom Jesus já teriam se retirado, pois é premissa que não podem ser atingidos por nenhum dos lados em conflito. “O médico, diariamente, entra no interior das comunidades mais conflitadas, desarmado, sem saber se voltará à noite para abraçar os filhos”, destacou Argollo. Presidida pela vereadora Comandante Nádia (PMDB), a Freseg visa elencar problemas relacionados à segurança pública de Porto Alegre, definir estratégias e soluções com prazos, firmar ações com órgãos e poderes competentes e a fiscalização das medidas para redução da criminalidade. Valorizar a atuação de profissionais da segurança também está no escopo da comissão.  

Os números da violência nos postos da Capital

O SIMERS contabiliza 16 ocorrências dentro ou no entorno de hospitais e postos de saúde no Estado em 2017. Do total, metade dos casos foi registrado na Capital. Desde 2014, conforme levantamento do Sindicato, foram 78 ocorrências no Estado. Em Porto Alegre, este é o 50º caso no período.
SEGUROS