Defesa

Simers participa de negociação de médicos radiologistas com a Santa Casa

11/03/2021 11:30

O diretor do Simers Jefferson Boeira acompanhou na quarta-feira (10) nova reunião de mediação no TRT4 (Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região) para tratar do acordo coletivo dos médicos radiologistas da Santa Casa de Porto Alegre. Os principais pontos são o valor da hora trabalhada e dos exames e a questão da produtividade estipulada pelo empregador.  

A assessoria jurídica expôs que a atual proposta não pode significar perdas salariais, além da falta de precisão de pagamento dos ganhos de produtividade. Conforme o diretor Jefferson Boeira, o trabalho médico precisa ser valorizado para que não ocorra a precarização das condições de trabalho. “São importantes os níveis de produtividade, mas é preciso evitar a exaustão das condições humanas do médico, que têm limites na capacidade da prestação de serviços e, com isso, preservar também a qualidade do atendimento”, explicou o dirigente.

O desembargador Francisco Rossal de Araújo solicitou que a Santa Casa apresente o volume de exames de 2019 e uma nova proposta de acordo. O objetivo é avaliar se a nova proposta, especialmente quanto à produtividade, é plausível.

A proposta deve ser apresentada até 19 de março pela Santa Casa. Já o Simers terá até o dia 26 de março para avaliar. Em 6 de abril, as partes voltam a se encontrar para debater a proposta em nova audiência de mediação. Uma representação do Ministério Público do Trabalho está acompanhando a mediação.

SEGUROS