A Luta

Simers repudia anúncio do Hospital Mãe de Deus de fechamento da Emergência Obstétrica

29/04/2020 00:00

O Sindicato Médico do Rio Grande do Sul (Simers) repudia o anúncio, feito  pelo Hospital Mãe de Deus, de Porto Alegre, de fechamento do serviço de emergência obstétrica. A entidade médica considera que esse é mais um ataque aos serviços de obstetrícia no Estado, que culmina em desassistência à população.

O Simers lamenta atitudes que excluem os serviços que são sinônimos de vida, principalmente neste momento em que a população está voltada à preservação da saúde e contra a pandemia do novo coronavírus.   

O Simers vai atuar, a partir das demandas dos profissionais médicos envolvidos neste e em outros casos já alertados, sempre com o objetivo de promover a saúde e defender vidas.

SEGUROS