Sindicato Médico do Rio Grande do Sul - Simers
A Luta

Médicos de Pelotas cancelam mobilização e serão recebidos por prefeito

24/06/2016 17:16

Os médicos municipários de Pelotas cancelaram a paralisação marcada para a semana que vem nos postos de saúde, que aconteceria de segunda a quinta-feira. A suspensão ocorreu nesta sexta-feira (24), após o agendamento de uma audiência pelo prefeito Eduardo Leite e encaminhamento de ofício com a nomeação de integrantes do município e da categoria para a mesa de negociação. A primeira reunião seria na terça (28), às 15h, no gabinete do prefeito. O Sindicato Médico do Rio Grande do Sul ressalta que a iniciativa é a resposta à nota divulgada ontem (23) pela entidade, que divulga a decisão dos médicos em parar, mas também abre a possibilidade de rever o protesto caso o município abrisse a negociação. Protesto-Médicos-Pelotas-Nauro-Jr

Luta por PCCV

Há vários meses, os médicos municipários de Pelotas tentam, sem sucesso, estabelecer uma mesa de negociações com o prefeito para discutir um Plano de Cargos, Carreiras e Vencimentos (PCCV) e uma remuneração justa para a categoria. Em abril, uma comissão organizada pelo SIMERS teve audiência com o prefeito Eduardo Leite para apresentar as reivindicações. No mesmo mês, foi realizada uma grande manifestação na região central da cidade e os médicos foram à Câmara Municipal, onde, com o apoio dos vereadores, derrubaram dois projetos que eram contra os interesses da categoria. No entanto, nenhuma dessas ações provocou reação positiva no Executivo, que continua sem dar retorno aos pedidos dos médicos. O SIMERS reforça que a paralisação pode ser evitada se for instaurada imediatamente a negociação prometida pelo prefeito.

Aviso de Privacidade

O Simers utiliza cookies e tecnologias semelhantes, como explicado em nossa Política de Privacidade, para melhorar a experiência de usuário. Ao navegar por nosso conteúdo, o usuário aceita tais condições.

Ver Política
SEGUROS